segunda-feira, 30 de março de 2009

De uma Vontade de escrever

Estou com vontade de escrever.
Entretanto não é aquela vontade a qual se pode controlar, sabe?
Não gosta de amarras, essa minha vontade.
Nunca gostou.
E está se recusando terminantemente a me ajudar com o final da história da Inspiração.
Na verdade eu acho que ela está com ciúmes.
Sim, é por todos sabido que Vontades e Inspirações têm suas rixas pessoais.
Isso ocorre desde os tempos imemoriais em que os animais falavam e as nuvens eram feitas de algodão-doce.
Até hoje não superaram essa desavença, pobrezinhas.
E quem sai perdendo com isso sou eu.

(Ou vocês, que eu tenho certeza de que estão fervendo de curiosidade para saber o que aconteceu quando fui resgatar minha Inspiração naquela cadeia perdida de Roshgrangeon U.U”)

3 comentários:

Tati Leutwiler disse...

ELA ATUALIZOU!!!!!

O_______O


Hoje neva em Manaus.







Obs.: Sim, você realmente precisa ler mais aquele meu blog... ç.ç

Mari L.ee Jones disse...

ah.. nossa. Agora tudo faz sentido pra mim... entendi porque sempre que a vontade vem a inspiração some e vice-versa... ç.ç

Susana disse...

"Sim, é por todos sabido que Vontades e Inspirações têm suas rixas pessoais."
Amei. Genial essa sua frase.
Ela é tão verdadeira para mim!
Droga! queria ter pensado nela antes! >p
Estou adorando seu blog.
Continue escrevendo, sim?